‘Pés de grávida’: especialistas explicam inchaço e como amenizá-lo

peeeGrávida de oito meses, quando o peso da mulher chega a pelo menos 7 kg a mais do que o habitual, a socialite Kim Kardashian postou uma foto na rede social Instagram, no último mês, que mostrava como os pés inchados incomodam dentro dos sapatos altos de grife que ela costuma usar. No entanto, o que Kim vive é comum para todas as grávidas: o inchaço é inevitável, segundo o cirurgião vascular do ambulatório de linfedema da Unicamp, José Luiz Cataldo. Porém, existem formas de amenizar o sintoma.

Quando a mulher engravida, ocorrem alterações de níveis hormonais que dilatam os vasos sanguíneos e facilitam a passagem de líquidos do interior dos vasos para fora do sistema circulatório, explicou Cataldo. Além disso, no final da gravidez – último trimestre – “acontece a compressão do útero sobre as veias da pelve, o que diminui o retorno venoso” dos membros inferiores para o coração, segundo o cirurgião. Algumas mulheres também sofrem com vasos e varizes gravídicas, que devem desaparecer em cerca de três meses após o parto, disse ele.

“Se os sintomas surgirem antes do segundo ou terceiro semestre, é bom ter atenção”, aconselhou a ginecologista do HCor, Tathiana Parmigiano. Cataldo também alertou para o inchaço exagerado em apenas uma das pernas: “deve procurar um médico o mais rápido possível”. Em geral, porém, o inchaço causa sensação de peso e cansaço nas pernas, além de impedir o uso de certos calçados. Após postar foto dos pés marcados por uma sandália apertada e ser vista com um modelo transparente que estava visivelmente justo demais, Kim se entregou ao chinelinho de dedo.

E ela tomou a atitude certa, segundo Cataldo, calçados que envolvam toda a planta do pé, sem sobrecarregar a frente, diminuem o efeito compressivo. Além disso, Tathiana explicou que a gravidez muda o centro de equilíbrio da mulher – por causa da barriga -, promovendo uma alteração nas articulações que aumentam o risco de entorse. “Pedimos às grávidas para não usarem salto alto”, acrescentou a ginecologista.

Como melhorar o “pé de grávida”
Repousar, deitada de lado, é uma das melhores formas de diminuir o inchaço, segundo Cataldo. “O útero se desloca para frente e libera as veias da pelve para a circulação do sangue”, explicou. A posição do descanso é importante, de acordo com Tathiana, ficar sentada, por exemplo, aumenta a compressão nas veias e prejudica ainda mais a circulação. Praticar exercícios também melhora a circulação, indicou a ginecologista: “no momento em que acontece a contração da panturrilha, o sangue é impulsionado para cima”.

O uso de meias elásticas é aconselhado pelos profissionais, do momento em que a grávida acorda até o final do dia. “O produto deixa a musculatura mais firme e pressiona os vasinhos a fazerem uma melhor drenagem”, explicou Tathiana. Ela alertou, porém, que a meia deve ir até o quadril, pois a modelo ¾ pode criar um torniquete na perna e prejudicar ainda mais a passagem do sangue. Com efeito imediato e passageiro, sessões de drenagem linfática podem ajudar a desinchar um pouco pés e pernas.

Evitar o ganho exagerado de peso, manter dieta com baixa ingestão de sal – que provoca a retenção de líquidos – e tomar bastante água são medidas importantes, segundo Cataldo. Os alimentos ricos em gordura e industrializados devem ficar fora do cardápio.

FONTE: http://saude.terra.com.br/gestacao/pes-de-gravida-especialistas-explicam-inchaco-e-como-ameniza-lo,3f8aac83e4f0f310VgnVCM5000009ccceb0aRCRD.html

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s